Uma Agenda para Jovens Professores

Se você é estudante Licencianda (o), próximo a encerrar sua formação inicial, creio que poderá encontrar aqui uma agenda na qual constam algumas anotações para possibilitar suas interlocuções no mundo profissional.

Primeiro: Resolva, pra você, os seguintes questionamentos: Qual é o sistema de ensino que me identifico: público ou privado? Por que?

Segundo: Caso você se identifique com o sistema público de ensino, então invista tempo para estudar com a finalidade de ser aprovado para concursos públicos. Não perca tempo! Não deixe que aquela frase interior “você não vai passar” perturbe você. Ao contrário, pense assim: “só preciso de uma vaga, entre as 450 que poderão ser ofertadas”.

Terceiro: além de estudar para a prova de concurso, procure organizar seu currículo Lattes CNPq. Atualize-o sempre! Junto às atualizações, organize em uma pasta sanfonada, todos os documentos comprobatórios dos dados lançados em seu Lattes. Tal organização é importante! Organiza-se agora ou quase se desespere depois! Já vi conhecidos não tomarem posse em suas vagas pelo fato de não portar documento de identidade atualizado ou comprovante de quitação eleitoral. Corra e se organize, nesta direção.

Quarto: Fique atenta(o) aos Editais. O tempo previsto no calendário para inscrições costuma ser curto.

Quinto: Uma semana antes da prova do referido concurso, procure vivenciar situações tranquilas, faça caminhadas, acorde cedo e respire fundo. Coma alimentos leves. Reserve umas 4 horas diárias para rever os conteúdos.

Sexto: Na noite anterior à prova, durma cedo e acorde cedo. Chegue umas 2 horas antes do início das provas.

Sétimo: Leve um kit concurseir(a)o no dia da prova: 2 garrafas de água mineral, algum remédio para dor de cabeça, 5 barras de cereais, e 3 canetas esferográficas azul.

Oitavo: Quando liberarem para que inicie a prova, leia as questões atentamente, buscando entender/interpretar os comandos de cada uma.

Nono: Nada de fazer cópia do texto/redação para depois passar a limpo! Se você estudou mesmo, será capaz de organizar seu projeto enunciativo e concretizá-lo no papel.

Décimo: Cuidado ao preencher o gabarito! Questão gabaritada rasurada, será rasurada em definitivo: não tem gabarito para fazer reposição!

Décimo Primeiro: Se você aproveitou ao máximo seu período acadêmico (assumindo o volante de sua formação ao longo da Faculdade) é muito provável que seja aprovado e poderá assumir uma cadeira como profissional efetivo em escolas. Assuma não apenas uma cadeira, mas a lousa, as mesas, as cadeiras, os livros, as estantes, as janelas. Mas acima de tudo, assuma as crianças! Cada uma é uma vida/mundo singular. Faça valer os direitos das crianças a serem crianças, em suas práticas: # brinqueestudeaprenda com elas.

Décimo Segundo: Nunca se esqueça, nenhum segundo de pensar acerca da sua não neutralidade na sala de aula, na escola, na sociedade, no mundo em que você habitar. Conjugue os diferentes verbos sempre na primeira pessoa do plural!!! Seja obcecada(o) por infestar a vida das pessoas de alegria e “riso coletivo” (BAKHTIN, 2008).

Boas vindas ao mundo acadêmico e profissional!!

 

Referência:

BAKHTIN, Mikhail. A Cultura Popular na Idade Média e no Renascimento: o contexto de François Rabelais. São Paulo: Hucitec; Brasília: Editora Universidade de Brasília, 2008.

 

Prof. PhD Vanildo Stieg
Compartilhe

3 pensamentos em “Uma Agenda para Jovens Professores”

  1. Essas palavras inspiradoras deste texto e de nosso querido professor PhD. Vanildo Stieg, são o combustível que alimentam meu ser nesta caminhada acadêmica de forma entusiasta e prazerosa de realizar este meu sonho de vida.
    #brinqueestudeaprenda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *